Fernando de Noronha

Acontece em Noronha

12/03/2018 - Administração de Fernando de Noronha oferece ação de dermatologia para comunidade

A Administração de Fernando de Noronha, através da Superintendência de Saúde do Distrito em convênio com o Hospital Oswaldo Cruz, ofereceu nos dias 07 a 09 de março, no Hospital São Lucas, atendimento gratuito com especialistas em dermatologia. Na ocasião, as médicas Amanda Rocha e Simone Asfora, realizaram a avaliação de 100 pessoas.

A moradora Débora Alves aprovou a iniciativa da administração, tendo em vista que a presença de especialistas na ilha agiliza o diagnóstico e, consequentemente, o tratamento. “A ação da administração de trazer dermatologistas foi ótima, pois evita que a gente viaje e tenha certos gastos e transtornos, pois precisamos de um diagnóstico o mais rápido possível, não só para dermatologista, mas para qualquer outro especialista. Muitas vezes, certos problemas podem ser evitados com esse tipo de ação”, opinou.

Atendimento - Em Fernando de Noronha é grande o número de atividades profissionais realizadas ao sol, como pesca, mergulho, trilha, entre outras. Por esta razão, a ação foi avaliada como pertinente pelas dermatologistas. “Aqui em Noronha a exposição das pessoas é mais acentuada, porque as profissões estão ligadas a uma exposição maior ao sol. A gente percebeu que a incidência de lesões associadas a esta exposição é muito grande”, declarou a dermatologista, Amanda Rocha. “O que vimos no atendimento foi que a população estava carente de dermatologia e orientações dermatológicas e, apesar de não ter muitos insumos na ilha, a gente conseguiu atender bem a comunidade e realizar pequenos procedimentos. A estrutura do hospital é bem organizada e eu acredito que nós teremos bons resultados”, concluiu Simone Asfora.

Com mais esta ação, conforme o superintendente de Saúde do Distrito, Fernando Magalhães, a demanda reprimida de dermatologia foi totalmente atendida, como também, 100 atendimentos de ultrassonografia foram realizados, zerando assim, o número de pessoas que aguardavam pelo exame. “A ação foi extremamente importante e salutar para a saúde aqui na ilha, uma vez que, com os atendimentos não há necessidade de retirar o morador do domicílio. Com isso, nós conseguimos zerar a demanda reprimida de dermatologia e, também, de ultrassonografia. No decorrer do ano vamos promover outras iguais a esta, priorizando as especialidades com maior procura”, informou o superintendente.

Texto: Eloíde Araújo

Outras Notícias

  • Fernando de Noronha 2013© - Todos os Direitos Reservados